Documentário “O Médico dos Pobres – A vida Redentora de Bezerra de Menezes”

O médico e político cearense Bezerra de Menezes (1831 – 1900) foi um humanista e pacifista que deixou sua história marcada no cenário político, social e religioso do Brasil. Ele é admirado por gerações por sua dedicação ao Espiritismo, à medicina, à caridade e também às causas sociais que defendeu como vereador e deputado. Sua biografia está no documentário “O Médico dos Pobres – A vida Redentora de Bezerra de Menezes”, produção da Estação Luz Filmes, que foi lançada na sexta-feira (16), em Fortaleza. O lançamento ocorreu durante o Seminário “A Conquista da Saúde Integral”, com o médium e orador espírita Divaldo Franco.

Dirigido por Glauber Filho e Joe Pimentel, o documentário inspirou o filme “Bezerra de Menezes - O Diário de um Espírito”, dos mesmos diretores, que se transformou num fenômeno de bilheteria, levando mais de 500 mil espectadores ao cinema e abrindo as portas para as produções transcendentais. Glauber explica que inicialmente começou a ser feito o documentário e pesquisas de público resultaram na decisão de transformar a produção num longa-metragem ficcional. O documentário ficou parado e depois retomado com mais elementos.

 “O documentário está dividido em depoimentos de pesquisadores, artistas, espíritas e conta com cenas de ficção. Apresenta uma biografia cronológica de forma descritiva e mostra os principais acontecimentos que fizeram o médico cearense ser reconhecido como um dos grandes espíritas brasileiros”, explica Glauber Filho. Fatos inéditos também estão registrados, como uma psicofonia do espírito Bezerra de Menezes através do médium Divaldo Franco, em solenidade em Paris (França).

Em gravações feitas no Ceará, Rio de Janeiro e Bahia, o documentário conta, nas cenas dramatizadas, com participações dos atores Carlos Vereza como protagonista, Caio Blat, Nanda Costa, Ana Rosa, Lúcio Mauro e Paulo Goulart Filho. Entre os que gravaram depoimentos estão o próprio Divaldo Franco; Clóvis Nunes, do MovPaz; Luiz Bassuma, do Movimento Ativistas da Paz pela Vida; Luciano Klein, presidente da Federação Espírita do Estado do Ceará, e Jorge Damas, autor de obras como "O 13º Apóstolo - As Reencarnações de Bezerra de Menezes", "Bezerra de Menezes e o Espiritismo".

O documentário teve como produtores Sidney Girão e Eduardo Girão, da Estação Luz Filmes, e será distribuído pela Versátil Home Vídeo. Após o lançamento, o documentário O Médico dos Pobres – A vida Redentora de Bezerra de Menezes estará disponível na locadora Distrivídeo, e no dia 7 de setembro, nas livrarias e demais locadoras.

A Estação Luz Filmes nasceu no Ceará a partir da ideia de se ampliar os trabalhos já realizados pela ONG Estação da Luz, realizando obras cinematográficas, de abrangência nacional, ligadas à cultura de paz e à espiritualidade. Ao longo destes anos, entre produção e co-produção, lançou os longas-metragens Bezerra de Menezes, O Diário de um Espírito (2007), As Mães de Chico Xavier (2011), Chico Xavier (2010), O Filme dos Espíritos (2011), Área Q (2012).


Agência da Boa Notícia

Comentários