Anencefalia, considerações espiritas

Pode parecer que os argumentos contrários ao aborto provocado sejam temas exclusivamente da religião. Uma reflexão mais atenta, contudo, apontará para rumos da alçada da própria ciência. Embriogenistas já identificaram a presença, no zigoto, de registros ("imprints") mnemônicos próprios, que evidenciam a riqueza da personalidade humana, manifestando-se, muito cedo, na embriogênese. 

Em O Livro dos Espíritos Kardec indaga os Espíritos "Em que momento a alma se une ao corpo?" E a resposta em toda sua clareza é "... desde o instante da concepção, o espírito designado a habitar certo corpo, a este se liga por um laço fluídico".(1)

O vídeo abaixo prova que a ciência ainda não entendeu totalmente o conceito de anencefalia, mostra que as soberanas leis da vida tem outros mecanismos, invisiveis aos olhos físicos.


(1) Kardec, Allan. O Livro dos Espíritos, Rio de Janeiro: Ed FEB, 2003

Compartilhe no Google Plus

Sobre o autor: Cele São Francisco de Assis

2 Comentários:

  1. Hello.... Visiting...
    Greetings from far away .....

    ResponderExcluir
  2. Não devemos subjulgar as leis divinas, é muito importante para o espírito de um anencéfalo a sua reencarnação para o reequilíbrio do perispírito. Fique sem palavras com relato dos pais, emocionante.

    Abraços.

    ResponderExcluir

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *