Linda história de amor entre Chico Xavier e sua irmã menor

Temos como mentor espiritual aquele que nos ensinou a amar e respeitar os nossos irmãos menores: São Francisco de Assis. Então histórias envolvendo eles são uma rotina, inclusive uma das mais belas : Chico Xavier e Boneca. Confira abaixo a versão escrita e/ou depois veja o vídeo, você vai se emocionar.

Chico Xavier e Boneca


Chico Xavier tinha uma cachorra de nome Boneca, que sempre esperava por ele, fazendo grande festa ao avistá-lo. Pulava em seu colo, lambia-lhe o rosto como se o beijasse.

O Chico então dizia:

- Ah Boneca, estou com muitas pulgas !!!!

Imediatamente ela começava a coçar o peito dele com o focinho.

Boneca morreu velha e doente. Chico sentiu muito a sua partida. Envolveu-a no mais belo xale que ganhara e enterrou-a no fundo do quintal, não sem antes derramar muitas lágrimas.

Um casal de amigos, que a tudo assistiu, na primeira visita de Chico a São Paulo, ofertou-lhe uma cachorrinha idêntica à sua saudosa Boneca. A filhotinha, muito nova ainda, estava envolta num cobertor, e os presentes a pegavam no colo, sem contudo desalinhá-la de sua manta. A cachorrinha recebia afagos de cada um.

A conversa corria quando Chico entrou na sala e alguém colocou em seus braços a pequena cachorra. Ela, sentindo-se no colo de Chico, começou a se agitar e a lambê-lo.
- Ah Boneca, estou cheio de pulgas!!! Disse Chico.

A filhotinha começou então a caçar-lhe as pulgas, e parte dos presentes, que conheceram a Boneca, exclamaram:

- Chico, a Boneca está aqui, é a Boneca, Chico!!

Emocionados perguntamos como isso poderia acontecer.

Chico respondeu:

- Quando nós amamos o nosso animal e dedicamos a ele sentimentos sinceros, ao partir, os espíritos amigos o trazem de volta para que não sintamos sua falta. É, Boneca está aqui, sim, e ela está ensinando a esta filhota os hábitos que me eram agradáveis.

Nós seres humanos, estamos na natureza para auxiliar o progresso dos animais, na mesma proporção que os anjos estão para nos auxiliar.

Por isso, quem maltrata um animal vai contra as leis de Deus, porque Suas leis são as leis da preservação da natureza. E, com certeza, quem maltrata um animal é mal-amado e também não aprendeu a amar.



Comentários

  1. http://br.mg4.mail.yahoo.com/neo/launch11:24 PM

    Boa noite Geraldo?
    É muito interessante a forma que nossos amiguinhos voltam para nós, e nos auxiliam.
    Eu tinha um gatinho himalaio lindo ele dormia ao meu lado e para dormir eu tinha que segurar a sua patinha, massageando levemente para ele ronronar e dormir, ele entrou em depressão e acabou desencarnando, eu chorava muito e não me conformava, um amigo do Paraná que não sabia da minha perda mandou-me um slide que falava “FALANDO DA VIDA APÓS A MORTE DE NOSSOS ANIMAIS”
    Da NURA SLIDES, dentro deste slide encontrei o endereço eletrônico do CELE, quando isto aconteceu levei quatro meses para ir conhecer o CELE a casa que fazia irradiações para animais...
    Fui conhecer a casa e passei a ser frequentadora, em uma noite que chovia e fazia muito frio (voltando do CELE) fui guardar meu carro e ouvi um miado muito longe, um miadinho desesperado. Comecei a procurar e a quase uma quadra da minha garagem havia uma árvore e lá estava o gatinho. Muito pequeno, molhado, com frio e fome , um gatinho preto!
    Sem duvidas levei para casa, sequei, alimentei e ele pulou pra cima da minha cama, ok fiquei feliz quando me deitei para dormir o gatinho se aninhou nos meus cabelos e começo a alisar meu braço, fiquei gelada e pensei que estava sonhando ou delirando. NÃO ESTAVA, enquanto não peguei a patinha do gatinho e massageei ele não dormiu. Passei a noite acordada pensando estar delirando. O meu gato era um himalaio chocolate esfumaçado com maravilhosos olhos azuis. Este era um vira latinhas preto!
    Pois meu amigo é um vira latinhas com o corpo igual, temperamento idêntico, silencioso e extremamente amoroso. Tenho meu irmãozinho de volta. ..
    Mas foi ele quem me ajudou, foi por ele que fui conhecer o CELE e hoje de frequentadora triste pela perda do meu lindo gatinho,sou trabalhadora e entendo não só as idas e vindas deles como também as nossas.Ele me axiliou e muito!
    Beiju grande amo você, meu mestre ,amigo , colega e irmão!
    Miriam

    ResponderExcluir

Postar um comentário