Carta de uma mãe

Mães são criaturas especiais. Elas têm uma visão de mundo toda peculiar.

Guardam experiência porque já viveram mais tempo que seu filho. 
Experimentaram incontáveis alegrias. Também tristezas, mágoa e dor.
 
E sabem que, por mais amem seu filho, não poderão impedir que tudo isso ele também experimente: coisas positivas e coisas negativas.
Sabem igualmente que isso faz parte do grande aprendizado que redundará em progresso para ele próprio.

Possivelmente por essa razão é que uma mãe elaborou uma carta, mais ou menos nos seguintes termos:

Caro mundo: Meu filho começou hoje na escola. Durante algum tempo, tudo vai ser estranho e diferente para ele.

Eu gostaria que você o tratasse com carinho.

Até aqui, sempre estive ao lado dele. Aquieto seu coração. Curo suas feridas.

Estou por perto quando ele cai e rala o cotovelo ou o joelho.

Quando ele cai da bicicleta, do skate e tropeça nos cadarços soltos do tênis.

Mas agora tudo vai ser diferente. Esta manhã ele vai sair pela porta da rua, acenar para mim e começar sua grande aventura.

Ele irá aprender provavelmente sobre disputas, tragédia e sofrimento.

Para viver neste mundo é preciso fé, amor e coragem.

Por isso, mundo, eu gostaria que você o pegasse pela mão e ensinasse o que ele precisa saber.

Ensine-o, mas com carinho. Ensine-o que, para cada malandro que existe por aí, existe também um herói.

E que, em verdade, há muito mais heróis do que malandros. Heróis anônimos que realizam grandes proezas todos os dias.

Fale-lhe muito mais dos heróis. Incentive-o a se tornar um deles.

Ensine-o que para cada político corrupto existe um líder dedicado.

E narre-lhe detalhes das vidas desses líderes para que os possa imitar.

Ensine-o que para todo inimigo existe também um amigo. Diga-lhe como conquistar e conservar amigos.

Ensine-o sobre as maravilhas dos livros. Livros de ciência, de arte, de grandeza.

Dê a ele um momento de silêncio para que possa ponderar sobre o mistério dos pássaros no céu, das abelhas ao sol e das flores nas campinas.

Ensine-o que é muito mais digno fracassar do que trapacear.

Ensine-o a ter fé nas próprias ideias, mesmo quando todo mundo lhe disser que ele está errado.

Ensine-o a vender seu cérebro e seus músculos pelo mais alto preço. Mas faça-o ciente de que seu coração e sua alma nunca devem ser colocados à venda.

Ensine-o a fechar os ouvidos para o clamor da multidão... E manter-se firme e disposto a lutar quando achar que está certo.

Ensine-o com carinho, mundo, mas não o mime, pois é o teste do fogo que produz o aço mais resistente.

Mundo, veja o que você pode fazer por meu filho. Ele é alguém muito especial.

*   *   *

A educação de uma criança não é somente um trabalho de amor e um dever.

É uma missão importante, desafiadora e honrosa. Em verdade, ela exige do educador o melhor que ele tenha para dar.

Por isso, maternidade e paternidade são missões das mais nobres, confiadas pela Divindade à mulher e ao homem.

Pense nisso!


Redação do Momento Espírita com base no cap. Carta de uma mãe ao mundo, de autoria  desconhecida, do livro  Histórias para aquecer  o coração das mulheres, de Jack Canfield,  Mark Victor Hansen, Jennifer Read Hawthorne e Marci Shimoff, ed. Sextante.

Comentários

  1. Amigooo,
    Lindo, profundo e sábio texto. Parabéns por compartilhá-lo conosco.

    Beijão e tudo de bom para vc e toda família

    ResponderExcluir
  2. Parabéns a todas as mamães, deixo minha homenagem também, pegando carona em seu post.

    Deus nos enviou um anjo chamado Mãe

    A semente germina e nasce o embrião que se transforma em feto,
    são nove meses no aconchego de um ventre chamado materno.
    Outros nascem do coração, do desejo de procriar do infinito amor.

    Deus manda cada criatura em missão e
    determina a um anjo chamado MÃE,
    que o auxilie nessa nova etapa de vida.
    Zelar, cuidar e educar no mais singelo carinho e compreensão,
    até que esta criatura possa viver por conta própria.

    Mas o anjo tão delicado na sua essência da criação
    quer nos tornemos fortes e corramos
    para a vida com garra e determinação.
    Quer que sejamos águias e possamos voar mais alto
    que pudermos até alcançar o infinito em busca de um ninho seguro,
    um porto seguro,
    que possamos encontrar para que sejamos criaturas do bem.
    Então encontraremos a fonte inesgotável da vida.

    Esse anjo tem um pouco de Maria,
    Mãe do Criador.
    Este anjo é você, Mãe!


    de Luiza Maria da Silva Pinto Moura

    Abraços forte

    ResponderExcluir
  3. Lindo e nobre como o ato de ser mãe e pai.
    Devemos sim, continuar lutando para tornar nossos filhos grandes homens e mulheres que nos ajudarão a melhorar o mundo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário