Síndrome de Narciso

Conta a lenda que Narciso era filho de um deus com uma ninfa, e que segundo um advinho, o jovem viveria muito desde que não visse a própria imagem. Rapaz de extrema beleza e orgulho, um dia ao ver seu reflexo nas águas de um lago, apaixonou-se.Encantado com o que via, passou dias a admirar a própria imagem, sem beber ou comer, até seu corpo ir definhando. Alguns contam que atirou-se, o jovem, nas águas do lago afim de abraçar a imagem, e assim morreu afogado.


Assim também, são os seres humanos, incapazes de enxergar qualquer beleza além de sua própria forma. Nada para eles, esses narcisos modernos, é mais belo do que eles, é mais inteligente , mais merecedor de respeito ou melhor. O orgulho por sua dominação aos outros seres, seu ego extremamente “Narcisista” é tão grande que os está, a cada dia, mergulhando nas águas que um dia levaram o jovem grego para a morte. Seu desprezo pelos demais seres da criação é tão grande que lhes é impossível olhar para outra imagem que não seja a propria.”Nós podemos, somos os únicos abençoados, somos superiores...”


E como Narciso, a cada dia eles deixam de beber, poluindo as águas dos mares, rios e lagos. Deixam de comer, queimando florestas, contaminando o solo, matando em nome de uma falsa necessidade. Aos poucos seus corpos igualmente estão definhando, porque a Terra já não lhes suporta mais esse orgulho infantil e os esmaga e , embora egoistas, eles sabem que diante da Terra, nada podem, nada são.


Os narcisos modernos não respeitam cores , credos ou raças.Não respeitam qualquer forma de vida que não possuam a “SUA” forma. Animais não são belos ou inteligentes para esses narcisos.Não merecem respeito apesar de ser-lhes impossível sobreviver sem eles. São maltratados, mortos e torturados em nome da beleza e da soberbia humana.São massacrados em nome de seu mais adorado profeta, em nome de suas vidas, como se apenas eles fossem merecedores de sua egoísta existêncialidade.


Tal como o herói grego, a humanidade se encontra agora orgulhosamente olhando para sua própria face, com todas as dores, com toda destruição que ela mesmo causou.É sua imagem que ela agora vê refletida no lago em forma de desatres naturais, mortes, roubos, corrupção.É seu ego e seu egoísmo que ela vê quando olha para as milhares de criaturas presas em minusculas celas aguardando apenas a hora da excecusão, porque para esses narcisos, somente eles são importantes, somente eles merecem viver. E são milhares de atrocidades que ela agora vê refletida em seu espelho espiritual com a Terra se modificando, com a poluição que os sufocará assim como eles fizeram com tantos outros. Como uma imagem no espelho d’água, a humanidade recebe agora tudo o que ofereceu durante tantos anos :Dor, desespero, morte.


E aos poucos chafurda nas águas de seu orgulho sem que ninguém mais venha o auxiliar, pois como jamais angariou amigos, não há quem possa tirá-los agora, das profundezas do lago de lama e dor, em que está se afogando. Como Narciso, a humanidade se afoga em seu ego e em sua falsa beleza , como Narciso a humanidade passará a ser apenas uma lenda, nada mais que uma lembrança perdida no passado.


Então ela verá que não era a coisa mais importante, pois sem ela a vida renascerá, os animais renascerão e a Terra se renovará passando a viver em sua plenitude, sem guerras, sem assassinatos, sem medo.Sem a humanidade narcisista a Terra viveu milhares de anos, e assim voltará a viver novamente quando, por suas próprias mãos, for a humanidade banida do Planeta que tanto sofreu em suas mãos.


Simone Nardi 
Compartilhe no Google Plus

Sobre o autor: CELESFA

5 Comentários:

  1. concordo com voce, a humanidade alem de olharem a sua propria face no espelho, q pode ser até linda, porem, com a essencia podre e a aurea escura. Seria bom que como o exibido do Narciso,acontecessem com elas a mesma coisa. Mas, pensando bem, nao ia adiantar muito, iam poluir os rios, e eu prefiro defender os animais e a natureza. Os animais me entendem melhor que os humanos.
    abçs

    ResponderExcluir
  2. Uma bela analogia e mensagem do amigo.
    É mesmo importante acabar com este narcisismo e passar a olhar com um pouco de atenção para as demais criaturas e para o meio ambiente.
    Parabéns pelo belo texto.
    Forte abraço, Fernandez.

    ResponderExcluir
  3. É, meu amigo...são como a bruxa má do conto:

    "Espelho, espelho meu, existe alguém mais idiota do que eu??"

    Abçs!

    ResponderExcluir
  4. Os Narcisos modernos são caóticos, não respeitam o equilíbrio.

    Parabéns pelo excelente texto.

    Abraços
    Luísa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo11:44 PM

      A grande questão, é quando você sofre do Síndrome sem saber que sofre, respeita o(s) outro(s) porque sabe que só dessa forma será respeitado, ama todos os seres, animados e inanimados, porque sabe que o amor tudo cura, toma consciência do seu problema com a ajuda de um profissional, e, uma nova guerra se inicia dentro de si mesmo.
      No meu caso a única coisa que, muitas vezes me apetece fazer, é desistir.
      Acredito que nada na vida é uma casualidade. Tudo tem um propósito.
      Para terminar, apenas e só informo, sofro do "Síndrome de Narcisismo".
      É HORRÍVEL.
      Comecei a minha terapia 3 meses atrás.
      Abraços para quem ler esta mensagem e, amor, muito amor.

      Excluir

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *