Carnaval

Nossas palavras, são velhas repetições às vésperas desses folguedos que alguns o fazem ingenuamente, embora alcançando dividas certas, e muitos se atordoam contraindo pesados débitos e terríveis companhias espirituais.


Assim, se você preza o tempo que lhe foi concedido para estudar, aprender, amar, evoluir;


se deseja, (...) aproveitar a bênção dos céus, (...) em sua existência;


busque nesses dias as casas de criancinhas abandonadas, necessitadas de amor (...)


Visite as instituições onde estão abrigados os enfermos (...), e se não for possível ausentar-se do lar, estude a sua Doutrina de Amor, trabalhe escrevendo cartas consoladoras, fazendo preces cristãs (...), utilizando o seu tempo no convívio de seus Mentores amigos, que o elucidarão em muitas questões.


Caridade para consigo mesmo, cuidando-se para que esses dias sejam de luz em sua vida, em seu lar, em seu caminho e a renovação um fato certo.


Que a bênção do Pai Celestial conceda a você forças e inspiração para o seu programa nesses dias.


Fonte: MENEZES, A Bezerra et al. Garimpeiros do Além. Juiz de Fora: IM, 1985. (p. 112-113)
Compartilhe no Google Plus

Sobre o autor: Geraldo V Laps

0 Comentários:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *